Notícias

Etapas paulistas 7 e 8 definem campeões e últimos finalistas do CBP 3: conheça os classificados

Disputadas no último final de semana, as duas etapas classificatórias restantes contaram com emoção e classificações para a grande final! Dupla campeã paulista também é campeã goiana!

Quem classificou, classificou! Quem não se classificou, não se classifica mais (pelo menos nesse CBP 3). A terceira edição do Campeonato Brasileiro em Pesqueiros da Fish TV deu adeus às etapas classificatórias no último final de semana.

Disputada no Tanque 7 do Parque Maeda, em Itu-SP, as etapas 7 e 8 fecharam o clico de etapas deste campeonato. Agora, todos já sabem as duplas que estarão presentes na grande final do dia 19 de março.

O que também vai ficar marcado é o inédito título estadual em dobro! Marcio Arikado e Patrícia Arikado, campeões goianos do CBP 3, também se tornaram campeões paulistas desta edição, já que nenhuma dupla conseguiu atingir a somatória dois dois na segunda etapa estadual.

Mas as etapas classificatórias se despediram em grande estilo! Como já é de costume, muito peixe na linha e emoção na arena de pesca foram percebidos nos últimos dias 12 e 13.

O que também deu para perceber foi a presença (e a grande pescaria) de já conhecidos pescadores deste campeonato. Competidores que já estavam classificados para a final, antes mesmos das duas últimas etapas paulistas, ignoraram o fato de já terem vaga garantida e deram um show na beira do lago.

Para entender, separadamente, como foram essas últimas emoções no Tanque 7, acompanhe o destaque dessas duas provas marcantes na história do CBP.

ETAPA 7 (SÁBADO, 12 DE FEVEREIRO): Top 10 disputado e muitos peixes na balança!

O que dizer de uma etapa em que, só no primeiro tempo, bate quase meia tonelada e 60 peixes capturados? Pois bem, essa foi a etapa paulista de número sete.

Repleta de grandes competidores, a arena de pesca ofereceu tudo que eles poderiam querer. Os peixes começaram bem ativos e, logo no início, era muito perceptível a briga pelos rankings mais altos da competição.

Porém, quem se distraía com a classificação no telão, perdia tempo (e peixe). A ideia correta, porém, era focar no que importava: nas iscas.

Aliás, elas também foram destaque no primeiro tempo de sábado. Muitos competidores trocavam suas opções de isca para tentar encontrar o melhor meio de captura do peixe.

Com a temperatura da água em 26º e a oxigenação em 7,20mg/litro, os exemplares fisgados no Tanque 7 corresponderam bem à essas trocas.

Logo de cara, uma dupla que podemos destacar era formada por Neri e Geovani. Eles pegaram quatro peixes, sendo três grandes exemplares (de 12kg, 16kg e 18kg).
O bom primeiro tempo da dupla continuou no restante da prova. Com mais seis exemplares capturados, eles conseguiram somar 111,410kg no total.

Uma somatória que poderia dar o título em diversas etapas deste CBP. Mas a disputa foi tão grande que, mesmo com a grande prova, eles ficaram apenas com a terceira colocação.

Com isso, a dupla não atingiu a vaga para a grande final, mas fica os parabéns pela grande prova!

Também teve pescador já classificado ficando entre os dois primeiros! Adan Santos, muito conhecido no mundo do CBP, já estava com vaga assegurada.

Porém, na sétima etapa paulista, Adan pescou com outro parceiro: Márcio José. E os dois arrebentaram!

Na etapa de sábado, nenhuma dupla pegou mais peixe do que os dois: 11 exemplares. A diferença entre Adan e Márcio para a dupla campeã foi de, acreditem, dois quilos e meio.

Acontece que também foi de aproximadamente 2,5kg a diferença entre eles e os terceiros colocados Neri e Geovani. Então, por pouco a dupla não saiu da zona classificatória e, por pouco também, não conseguiu o título.

Mas nada disso apagou a grande prova dois dois! Os dois alternaram bastante a modalidade e a isca a ser utilizada, estratégia que deu certo.

Onze Tambacus foram capturados: sete no período antes da parada para o almoço e quatro exemplares após.

A grande prova da manhã levou a dupla para brigar no topo! E às 17:28h, faltando dois minutos para a prova terminar, Márcio pesou o último peixe do dia!

O Tamba de 11,760kg colocou a dupla em segundo! Assim, Adan Santos, já classificado, ajudou a classificar o seu novo parceiro, Márcio! Que prova!

Os grandes campeões da etapa de número sete começaram a aparecer mais no segundo tempo de prova. Na raia trinta, considerada uma boa raia no Tanque 7, Alex Reis e Marcelo acharam uma sequência incrível de cinco peixes.

O feito levou os pescadores para o topo! Dos nove exemplares capturados pela dupla campeã, seis foram pegos antes do fim da segunda bateria de prova.

O terceiro tempo foi fraco de pescaria, num contexto geral. Com isso, Alex e Marcelo não conseguiram disparar, mas também não tiveram a liderança ameaçada.

Já o quarto tempo incendiou a disputada pela ponta. Para se ter uma noção, a arena do Tanque 7 contou com dois Pirarucus perdidos, o que poderia mudar totalmente o destino do CBP.

Às 16:37h, por exemplo, tivemos a captura do maior peixe deste dia de disputa: um belo Tamba de 22,380kg!

O exemplar capturado por Guilherme e José Gabriel garantiu os dois na grande final do dia 19! Os dois não iriam conseguir a vaga, já que ficaram em quarto. Mas no CBP, o maior peixe também entra! Parabéns dupla!

Um pouco antes das 17h, a dupla formada por Marcelo e Alex pesou seu último peixe: um Tambacu de 14,180kg, pego na boia cevadeira com anteninha. Assim, a soma de Alex e Marcelo ficou em 116,380kg!

Nenhuma outra dupla conseguiu alcançá-los e os 116kg deram o título da sétima etapa paulista para os dois! Parabéns, vocês também estão na final do CBP 3!

As duplas classificadas para a grande final são:

1º – ALEX REIS E MARCELO: 116,380KG

2º – ADAN SANTOS E MÁRCIO JOSÉ: 113,860KG

MAIOR PEIXE – GUILHERME E JOSÉ GABRIEL: TAMBACU DE 22,380KG

ETAPA 8 (DOMINGO, 13 DE FEVEREIRO): Viciados em títulos?

Imagine só a tensão e a adrenalina nos momentos que antecederam a oitava etapa paulista. Era a última etapa! A última chance!

Vários pescadores lutaram, suaram a camisa e deram o seu máximo para estarem na finalíssima desta edição. Alguns conseguiram, outros perderam por pouco, mas todos, sem exceção, tentaram.

No domingo passado, dia 13 deste mês, quem não havia se classificado teve a sua última oportunidade. A esperança é a última que morre, não é verdade?

O começo de prova se pareceu bastante com o dia anterior. Temperatura da água em 26,2º, oxigenação em 7,40mg/litro e peixes na balança. Grandes peixes.

O quarto peixe do dia, por exemplo, foi um Tamba de 17,280kg! Isso prometia uma prova ainda mais eletrizante e com a missão de bater as mais de uma tonelada e seiscentos quilos de peixes do dia anterior. E nisso, a etapa 8 teve muito sucesso (mais de uma tonelada e oitocentos quilos de peixes foram pesados)!

O primeiro tempo começou mais fraco do que a primeira bateria de sábado. Trinta e três peixes e 335,880kg. Mas o melhor ainda estava por vir.

Na segunda bateria, uma dupla começou a se destacar: Noni e Inácio. Sim, Inácio, o Thor!

Já classificado, ele pescou no domingo com uma dupla diferente e prometeu fazer de tudo para poder classificar o amigo. Dito e feito!

Os dois capturaram 11 exemplares e desses, dez foram capturados no período da manhã!

Até a pausa para o almoço eles estavam imbatíveis e a prova esquentava a cada momento. No período da tarde, porém, eles pesaram apenas um peixe: Tamba de 15,200kg pego na boia com massa às 14:19h.

Mais um peixe de 7 quilos e eles se tornariam os campeões da última etapa classificatória. Porém, como a tarde não foi tão produtiva quanto a manhã, Inácio conseguiu ajudar o amigo Noni a se classificar para a final com a vice-colocação!

O último tempo do domingo contou com uma briga insana entre os seis primeiros colocados. Como de costume, quem estava nas raias do canto, se destacou.

O fim da prova ia chegando e os pescadores estavam com os corações acelerados em busca das últimas vagas. Por exemplo, Fillipe e Victor.

Às 16h, faltando uma hora e meia para acabar a prova, eles tinham pego apenas três exemplares e estavam muito, mas muito longe de conseguir uma classificação.

Mas isso aqui é CBP! No fim de prova eles deram um show e a partir desse horário, conseguiram capturar 10 exemplares, se tornando a dupla que mais pegou peixe.

Na soma, eles ficaram na terceira posição geral, o que, realmente, não daria a classificação. Mas como a dupla campeã da última etapa já estava classificada, mais uma vaga se abriu!

A pescaria da tarde inesquecível da dupla não foi em vão! Victor e Fillipe voltam para o Parque Maeda no dia 19 de março e permanecem na disputa pelos 100 mil reais!

Um fato curioso: a vaga se abriu e a dupla terceira colocada garantiu classificação. Porém, a dupla que ficou em quarto também pegou o maior peixe.

Que prova! A última etapa classificatória do CBP 3 classificou o primeiro colocado, o segundo, o terceiro e o quarto! Anderson Biguá (já classificado) e Du Valentim pesaram um Tamba de 19,550kg às 14:38h, pego com Minhoco na modalidade boia cevadeira. Então, Du também conseguiu a vaga junto ao seu parceiro Anderson. Parabéns!

Agora, vamos falar dos campeões da oitava etapa paulista. Vocês sabem de quem estamos falando: Markim da Lua e Rafael Silvério!

Os atuais campeões mineiros voltaram ao Parque Maeda, já classificados para a final, para curtirem os últimos momentos de pescaria no Tanque 7.

Como a final é disputada no Tanque de Engorda do Parque Maeda, quem disputou a oitava etapa do domingo, pôde dar um ‘até logo’ para a arena em que mais tivemos etapas nesta edição.

E quem mais soube aproveitar foram os viciados em troféus, Markim e Rafa. Com 10 exemplares no total (8 Tambas e dois Matrinxãs), eles somaram 117,130kg no domingo.

A prova foi muito disputada, mas não ao ponto de alcançarem a dupla. No último minuto de prova, às 17:29h, Rafa pesou um belíssimo Tambacu de 18,540kg, pego com fígado na boia.

O exemplar deu o troféu da oitava etapa para a dupla e liberou mais uma vaga para a final, preenchida por Fillipe e Victor.

Rafa Silvério e Markim da Lua, que show de pescaria! Parabéns novamente!

As duplas classificadas para a grande final são:

1º – MARKIM DA LUA E RAFAEL SILVÉRIO (JÁ CLASSIFICADOS): 117,130KG

2º – INÁCIO E NONI: 110,130KG

3º – FILLIPE E VICTOR: 102,850KG

MAIOR PEIXE – ANDERSON E DU VALENTIM: TAMBACU DE 19,460KG

 

(BÔNUS): Marcio Arikado e Patrícia Arikado campeões paulistas!

Em todas as fases deste CBP, ao término de um final de semana, nós conhecíamos os campeões estaduais. A única exceção era com o estado de São Paulo.

Com oito etapas no total, só conseguiríamos saber o campeão paulista após o término de todas as etapas.

Depois das disputas do final de semana, já temos o veredito: MARCIO ARIKADO E PATRÍCIA ARIKADO CAMPEÕES PAULISTAS DO CBP 3!

Na segunda etapa paulista, disputada no dia 7 de novembro de 2021, o casal fez uma prova incrível e conseguiu capturar 194,060kg de peixes.

Como na primeira etapa o número foi abaixo deste e nas etapas posteriores também, ninguém conseguiu alcançar a dupla.

O casal, que já havia sido campeão goiano, se torna, também, campeão do estado de São Paulo!

Mais um acontecimento inédito: pela primeira vez, na história do CBP, temos uma dupla duas vezes campeã estadual! Parabéns, Márcio e Patrícia! Vocês receberão o troféu no dia da final!

Quer conferir todas as emoções das grande final? Acompanha AO VIVO na Fish TV e Siga o Instagram Oficial da Fish TV!

Premiações do 3º Campeonato Brasileiro em Pesqueiros

  • Campeão nacional: R$ 100.000,00 em dinheiro, troféu e medalha.
  • Vice-campeão nacional: Viagem, com tudo pago, para Alta Floresta, no Mato Grosso, troféu e medalha.
  • 3º lugar nacional: Viagem, com tudo pago, para Corrientes, na Argentina,  troféu e medalha.
  • Maior peixe nacional: R$ 10.000,00. troféu e medalha.
  • 1º lugar estadual: R$ 2.000,00, inscrição para o CBP 4, troféu e medalha.
  • Maior peixe de cada estado: R$ 1.000,00,  troféu e medalha.
O 3º Campeonato Brasileiro em Pesqueiros conta com o apoio de Buffalo MotoresHughesnetQuistyAlbatroz FishingJem ComercialMaruri FishingRepeMaxCloter RytosDewarLife KLumisMX PESCAPatola e Pegando Gigantes.

 

 

    Quer saber mais?
    Preencha com seus dados e entraremos em contato




    Fish TV

    Acompanhe as novidades

    Pagamento em até 10x nos cartões de crédito. Consulte condições especiais

    Fish TV Fish TV

    QUER GARANTIR SUA VAGA NO CBP 4?

    Temos uma novidade: o Voucher Promocional! Preencha o formulário e saiba mais.